sexta-feira, 17 de junho de 2016

Alta velocidade e bebida alcoólica podem ter causado acidente que matou casal em JP

As primeiras investigações do Instituto de Polícia Científica da Paraíba (IPC) apontam que a causa da morte do casal Thiago Nogueira, 35 anos, e Meiryelli Egito, durante acidente ocorrido na BR-230, em João Pessoa, em maio deste ano, se deu pela junção de excesso de velocidade e alcoolemia.

Dados analisados pelos peritos do setor de Acidente de Trânsito do IPC apontam, inicialmente, que o motorista Thiago Nogueira, 35 anos, teria perdido o controle do veículo devido à alta velocidade. Um exame cadavérico feito no corpo da vítima constatou a presença de alto teor de álcool.

Com essa linha de investigação pericial, fica descartada a possibilidade de um racha ou perseguição, a qual foi divulgada por testemunhas. A investigação do acidente é feita pela Delegacia de Crime de Trânsito de João Pessoa

A perícia colheu elementos materiais no local do acidente e dos veículos envolvidos e laudos complementares vão ajudar na confecção do laudo final, que será assinado pelo perito Lúcio Flávio. O documento deverá ficar pronto no início de julho.

Acidente

Um grave acidente entre dois carros deixou um casal morto e outras duas feridas, um em estado gravíssimo, na tarde do sábado, 21 de maio, em um trecho da BR 230, nas proximidades do Hospital de Emergência e Trauma, em João Pessoa. Umas das vítimas feridas morreu poucos dias depois do acidente. A quarta pessoa envolvida no acidente já se recupera em casa.

No dia do acidentem, a PRF informou que o casal que morreu estava em um Corolla que seguia na rodovia quando o motorista perdeu o controle e invadiu a pista no sentido contrário, atingido outro veículo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário