quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

TRE-RO pretende retornar à sede atingida por cheia histórica até junho

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RO) pretende retornar à antiga sede localizada na Avenida Rogério Weber, Zona Central de Porto Velho, até o fim de junho de 2016. De acordo com o órgão, a parte térrea do antigo prédio foi inundada pela cheia histórica de 2014 e a Justiça Eleitoral foi obrigada a ocupar dois andares no Palácio Rio Madeira, localizado na Avenida Farquar.

Segundo a nota oficial do TRE-RO, uma equipe técnica composta por servidores da Justiça Eleitoral e do governo do estado já iniciou os estudos, planejamento e elaboração de projetos para recuperar o prédio antes das eleições. A intenção é que o retorno seja feito até o final de junho.

O presidente do TRE-RO, Rowilson Teixeira, garante que o retorno ao antigo prédio é necessário devido a proximidade das eleições municipais, em outubro. As instalações da sede foram projetadas para abrigar todo o material de eleição, inclusive urnas eletrônicas utilizadas no estado. Atualmente, os equipamentos estão abrigados em um galpão alugado.

Ainda de acordo com o órgão, os prédios precisam apenas de pequenos reparos, como limpeza, pintura, renovação de cabeamento elétrico e de informática. Além da reaplicação de carpetes, gesso e pequenos acessórios. Uma perícia técnica especial teria atestado a solidez das edificações, sendo que duas colunas das paredes do estacionamento precisarão de um reforço estrutural.

Com o retorno à antiga sede, o órgão eleitoral alega que vai economizar cerca de 9 milhões de reais de dinheiro público com aluguel e pagamento de imóveis e serviços provisórios que seriam gastos até a construção de uma nova em 2019.

Nenhum comentário:

Postar um comentário