sábado, 16 de janeiro de 2016

Polícia Civil prende dono de loja na PB suspeito de "desmanche" de veículos

Uma operação da Polícia Civil realizada no final da tarde da sexta-feira (15), no distrito de São José da Mata, em Campina Grande, resultou na apreensão de dezenas de carros, motos, quadriciclos, documentos, dinheiro, além de um simulacro de arma em uma loja de veículos usados. Segundo a polícia, o estabelecimento seria um ponto de apoio para um grupo suspeito de envolvimento em roubo, desmanche de veículos e venda de armas.

De acordo com a  Polícia Civil, o dono do estabelecimento, um homem de 32 anos, foi preso no local. Um bacharel em direito também foi preso depois de se apresentar como advogado do comerciante e não portar o registro da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Durante a noite desta sexta-feira (15), os dois homens foram encaminhados para a 5ª Delegacia Distrital de Campina Grande, no distrito em São José da Mata, onde foram ouvidos.

Ainda segundo a equipe de investigação da 5ª DD, a operação deve seguir na busca de veículos e desmanches. A ação está acontecendo por força de mandados de busca e apreensão expedidos pela justiça. Até 19h40 (horário local) os dois homens ainda estavam prestando depoimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário