sábado, 16 de janeiro de 2016

Paraibano foragido de SP é preso em hospital na PB após beber e passar mal

Um paraibano de 41 anos, foragido da cidade de Sorocaba (SP), foi preso na tarde da sexta-feira (15), após dar entrada no Hospital Regional de Sousa, no Sertão da Paraíba, a 438 km de João Pessoa, vítima de mal estar provocado pela ingestão de bebida alcoólica nessa quinta-feira (14). À Polícia Militar, o detido confessou que matou duas pessoas, sendo uma em Sumaré (SP), em 1999, e outra em Caeté (MG), em 2004, quando foi preso em flagrante.

Segundo o cabo G. Mendes, da PM de Sousa, a guarnição local recebeu uma informação anônima que dava conta de que o paciente do hospital era um criminoso foragido.

“Ao receber a informação, consultei os sistemas da polícia e vi que existia um mandado de prisão expedido pela comarca de Sorocaba (SP). Fui, então, ao hospital e dei voz de prisão”, contou o cabo.

G. Mendes revelou que o homem estava foragido desde a Semana Santa de 2015, quando recebeu um benefício que propiciou uma saída temporária dele da prisão, após o cumprimento de 11 anos de pena. Ele veio à Paraíba para encontrar parentes e não voltou mais ao presídio. O detido foi encaminhado para a Colônia Penal Agrícola de Sousa, onde ficará à disposição da Justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário