sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Corpo de índio, porteiro da FUNAI, é encontrado sem vida ontem

Na manhã da quinta-feira (14), Américo Cassupá, índio, foi encontrado morto na guarita da FUNAI (Fundação Nacional do Índio), localizada na Rua Rui Barbosa, Bairro Arigolândia, região central da capital.
Segundo informações apuradas pela equipe de jornalistas de Porto Velho, o corpo foi localizado por trabalhadores do local. Américo era porteiro da FUNAI, e já vinha reclamando de dores pelo corpo há meses.
Funcionários do local ainda tentaram socorrer o idoso, mas uma equipe do SAMU chegou e constatou o óbito, aparentemente de causas naturais.

Uma equipe da perícia médica também foi acionada para apontar as causas reais da morte do índio. O corpo foi removido por uma equipe de peritos e levado ao Instituto Médico Legal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário